fepasa2

Idealizado pela Proempi, projeto vai transformar o Jardim Fepasa

Walter: Proempi vai revitalizar o centro comunitário

Walter: Proempi vai revitalizar o centro comunitário

Idealizado pela Proempi (Associação de Empresas e Profissionais do Setor Imobiliário de Jundiaí e Região) e articulado pela Rede Jundiaí de Cooperação, o Projeto Fepasa Viva vai transformar a vida dos moradores do bairro, oferecendo empoderamento por meio da educação, profissionalização, esporte e lazer. No sábado (25), representantes da Proempi, Prefeitura de Jundiaí, Instituto Cyrela, Fundo Social de Solidariedade(Funss), Fundação Municipal de Ação Social – Fumas, Sebrae, Senac, Senai, Sesi e Sesc, participaram do lançamento oficial do projeto, explicando aos moradores como poderão participar.

A revitalização do centro comunitário, conhecido pelos moradores como Casa Verde, também será realizado por meio da mão de obra dos moradores e materiais doados pelas construtoras ligadas à Proempi. A previsão é de que as obras sejam concluídas em até 60 dias, conforme adianta o presidente da entidade, Walter da Costa e Silva Filho, responsável por integrar ao projeto os empresários da construção civil. “A chegada do material para as reformas necessárias e adaptações no Centro Comunitário acontecerá em breve. A participação da comunidade no que se refere à mão de obra será fundamental. Graças aos parceiros que abraçaram esta importante proposta poderemos realizar as transformações necessárias”, considerou Walter.

Luiz Fernando Machado, prefeito de Jundiaí

Luiz Fernando Machado, prefeito de Jundiaí

Entre as principais ações programadas estão cursos gratuitos de capacitação e de geração de renda, viabilizados pelo Funss, com foco no mercado de trabalho e no próprio negócio. “A disposição de todas as instituições parceiras para contribuir com a consolidação do projeto fez toda a diferença. Instituições que se dedicam a diferentes atividades, mas que, em comum, compartilham a disposição para transformar o Jardim Fepasa com iniciativas que estimulem o desenvolvimento do protagonismo social e a valorização dos moradores do bairro”, afirmou o prefeito Luiz Fernando Machado, durante o lançamento do projeto. Ainda por parte da Prefeitura, a Fumas também se prontificou, até julho de 2019, a realizar o recadastramento dos moradores do Jardim Fepasa e a regularização fundiária da primeira etapa com titulação dos imóveis.

O Jardim Fepasa reúne cerca de 380 famílias. Muitos moradores acompanharam de perto as etapas de desenvolvimento do projeto até o lançamento. A dona de casa Silvia Cícera Ferreira dos Santos, moradora no bairro há 34 anos, avalia na iniciativa benefícios para todas as gerações. “O projeto é muito bom, vai preparar também as nossas crianças e os adultos com os cursos. É uma oportunidade que o bairro esperava há bastante tempo”, disse ela.

Parceria fortalecida

O Sistema S também é parceiro do projeto, sendo que o Sebrae se dispôs a cooperar com diversas capacitações, iniciadas ainda este ano, voltadas principalmente à formalização do microempreendedor individual. Sob a responsabilidade do Senai, ficam os treinamentos para várias áreas, como a construção civil (pedreiro, assentador e pintor imobiliário), cuja mão de obra formada irá ao encontro das necessidades de empregabilidade dos construtores da região. Além disso, há cursos nos setores de metalmecânica, eletroeletrônica, plásticos, logística e mecânica automotiva, além de bolsas de estudo conforme a disponibilidade de vagas. O Sesi ofertará cursos voltados à alimentação saudável e cozinha gourmet, bem como aulas de costura e moda sustentável com foco na possibilidade de geração de renda e criação do próprio negócio.

O Senac também vai oferecer cursos de manicure e pedicure, confeccionador de bijuterias, auxiliar administrativo e empreendedor de pequenos negócios. Localizado ao lado do Jardim Fepasa, o Sesc demonstrou de prontidão o anseio de ter a comunidade mais próxima e abriu as portas da instituição com atividades para a faixa etária de 0 a 12 anos, integrando crianças e jovens às ações de caráter lúdico, cultural e esportivo.

O Instituto Cyrela sinalizou a oportunidade de desenvolver projetos voltados à Primeira Infância, crianças e adolescentes. Com o objetivo de integrar comunidade, iniciativa privada, organizações e poder público, a Rede Jundiaí de Cooperação atua diretamente na articulação e fortalecimento das parcerias, além de ajudar a Proempi e demais parceiros no planejamento e gerenciamento do projeto Fepasa Viva.

Cíntia Souza – Assessoria de Comunicação Proempi